Jogos de boca juniors feminino na Libertadores Mulheres 2022 Equador

Além de disputar o campeonato nacional regular, os clubes da divisão feminina da Argentina também têm a oportunidade de participar do torneio internacional de clubes da Copa Libertadores. Este ano, os BJ’s representaram seu país nesta competição e conseguiram mostrar um resultado bastante sólido.

É claro que, dado o sucesso da equipe no campeonato nacional, os torcedores estavam esperando justificadamente uma vitória de seu clube favorito. Mas acabou se revelando que na região sul-americana, seus favoritos têm rivais bastante específicos, e uma das equipes conseguiu até mesmo vencer o grande homem argentino. Mas não há necessidade de nos adiantarmos – é melhor seguir o caminho do time através das etapas mais interessantes do torneio em seqüência.

Desempenho nos quartos de final (Boca Juniors 2-1 Corinthians)

Jogos de boca juniors feminino nas últimas etapas do torneio em questão começou com uma partida contra o clube brasileiro Corinthians, que é merecidamente considerado em casa quase o melhor time feminino do mundo. Você pode realmente acreditar nesta afirmação, já que as argentinas tiveram que jogar em segundo lugar, mostrando uma porcentagem atípica de posse de bola de 34 a 66%.

Apesar disso, os BJ conseguiram abrir o placar, mas rapidamente concederam a bola em troca. O gol decisivo que fez o placar de 2-1 foi marcado por Estefania Palomar aos 75 minutos, levando a vitória em uma partida tensa para sua equipe. Notavelmente, os anfitriões conseguiram marcar dois gols em dez chutes, enquanto os convidados acertaram o gol adversário dezesseis vezes e acabaram marcando apenas um gol.

Esta partida pode ser caracterizada como uma vitória da eficiência em um grande número de chances. Por outro lado, após a partida, muitos especialistas disseram que o clube argentino teve a sorte de primeiro segurar seu gol e depois marcar, tendo o número mínimo de chances durante o segundo tempo.

Partida semifinal (Deportivo Cali 1-1 (pena 0-3) Boca Juniors)

O primeiro jogo não foi muito memorável para os telespectadores e torcedores no estádio – as equipes trocaram alguns momentos afiados, mas não houve chances de marcar gols. Não chegou a isso até os minutos finais, pois aos 42 minutos o placar foi aberto por um jogador da seleção colombiana. Tendo feito um gol no vestiário, os visitantes poderiam ter perdido o fio do jogo e perdido a partida, mas o técnico de cabeça conseguiu encontrar as palavras certas para seus alunos.

Os jogadores argentinos demoraram apenas 15 minutos para entrar no campo de futebol para igualar o placar. Depois deste jogo, que foi disputado de forma bastante equilibrada, o que também não ajudou a identificar o vencedor.

Tudo foi decidido em uma loteria de futebol – uma disputa de pênaltis. Desta vez, a sorte sorriu para os visitantes, que conseguiram derrotar com confiança seus adversários por 3-0 na série.

Reunião final (Boca Juniors 1-4 Palmeiras)

A partida final foi muito difícil para nossos heróis e terminou, pode-se até mesmo dizer, em uma derrota esmagadora. Ao mesmo tempo, o primeiro tempo não previu tal resultado final. Ambas as equipes, os anfitriões argentinos e os convidados brasileiros jogaram de maneira uniforme e marcaram gols no início da partida.

Mas já no início do segundo tempo, os convidados estavam determinados a levar o troféu deste ano, independentemente dos esforços de seus adversários. Primeiro, eles assumiram a liderança aos 49 minutos, e depois conquistaram a iniciativa, marcando mais dois gols. É claro que o Boca tentou ao máximo para voltar ao jogo, mas todas as tentativas de gol foram levadas pela sólida defesa.

É claro que o próprio fato de terem chegado à final é um sinal de seu alto nível de jogo. Mas os torcedores ainda gostariam de ver seus favoritos com outro troféu sobre suas cabeças.

Rate this post

Adicione um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

uma × cinco =